Tinturas

 Sempre gostei muito de preparar tintura de plantas medicinais, era o mais próximo de uma alquimia que eu ” podia fazer” quando era criança e até hoje segue comigo,  me sinto muito honrada em viver e partilhar esta prática!

Na minha época… rsrsrsrs

Como eu morava em uma cidade que o chão era de barro, o quintal era enorme e tinham várias plantas medicinais naturais (PANCs) que minha mãe aprendeu com minha vó a usar e eu aprendia com minha mãe e minha vó…

Utilizo as tinturas no dia a dia e em alguns dos bioCosméticos por isso, se você quiser adquirir algumas das tinturas, entre em contato, possivelmente terei para lhe atender.

O QUE SÃO AS TINTURAS ?

São soluções alcoólicas ou hidroalcoólicas preparadas a partir de matérias-primas vegetais ou de substâncias químicas; Variam no método de preparação, concentração do componente ativo, teor alcoólico e o uso medicinal; Tinturas feitas a partir de substâncias como iodo são preparadas por simples dissolução do composto no solvente; Dependendo da preparação as tinturas podem ter de 15 a 80% de etanol;

Etanol protege a preparação (crescimento microbiano) além de manter as substâncias pouco solúveis em água em solução; Outros solventes podem ser empregados, mas utilizo o etanol, para ser mais precisa, o  álcool de cereais.

Tenho prontas tinturas das seguintes plantas:

ARNICA  60ml:                                                             R$ 18,80

 Arnica é um medicamento feito a partir da Arnica montana, planta medicinal usada a muito tempo, especialmente em Ortopedia, Reumatologia e Neurologia.
A Arnica melhora o fluxo sangüíneo no local afetado, reduzindo hematomas e edemas (inchaços) e repara mais rapidamente os tecidos lesados. Isto lhe confere um efeito antiinflamatório e analgésico além de uma leve ação estimulante e diurética.
Indicada para contusões, hematomas, entorses, edemas, fraturas, articulopatias, doenças reumatológicas, gota, ciatalgia, bursites e tenossinovites, dores miofasciais, pré e pós operatório.
Pode ser usada também para furúnculos e picadas de insetos devido a sua ação anti-séptica.
Nos casos agudos pode ser utilizado na forma injetável.
Nos casos menos graves, pode-se usar Arnica por via oral em diluição ou glóbulos.
As formas para uso tópico (pomada, gel, tintura para compressa e óleo) são particularmente úteis em dores ou inflamações localizadas, hematomas e pequenos edemas.
O remedinho (tintura) da Vovó mostrou-se tão eficaz que atualmente os atletas profissionais e de final de semana utilizam a Arnica, principalmente nas preparações com óleos, antes e depois do exercício físico.

 

BENJOIN 60ML                                                            R$ 9,80

Famosa árvore utilizada para a produção de incenso, seu odor tem a fama mísitica de afugentar má influências.
É uma árvore que atinge até vinte metros de altura e vegeta exclusivamente na Ásia tropical, Tailândia e Sumatra. Através do corte, do seu tronco extrai-se um soro que endurece ao ar e ao sol para a fabricação de incenso de java. Das duas variedades em comércio, a única notoriamente valiosa é a do Sião, nomeadamente da Península de Malaca.
Antisséptico, expectorante.
No Oriente, há milhares de anos considera-se que as agradáveis fumigações produzidas com a queima da Goma de Benjoim afugentem das paredes domésticas qualquer tipo de adversidade.
Na China, durante milênios ela foi utilizada para fins medicinais (digestivo, antisséptico, etc.). No Ocidente, ela tem um uso clássico na alta perfumaria, onde a sua tinta alcoólica ainda é um ingrediente insubstituível.
Usos do Benjoin de Sião e de Sumatra: Aplicação protetora para irritações da pele. A tintura misturada com água e ou óleo de coco de palmiste pode ser aplicada localmente em úlceras cutâneas, fendas nos mamilos e fissuras de lábios e ânus.
Para inflamação de garganta e brônquios, a tintura pode ser administrada com um pouco de açúcar. A tintura e seus compostos podem ser usados, em certas ocasiões, em água fervente como inalantes para tratamento de catarro no trato respiratório superior, devido sua ação expectorante e suavizante. Em combinação com óxido de zinco se usa em unguentos para lactantes.
Usos da tintura de Benjoin composta: Utilizado na laringite aguda e catarro, misturado a água quente para inalação dos vapores. Resultados efetivos podem ser obtidos agregando uma colher de chá da tintura à água quente em um inalador e aspirar o vapor. Também administrado com açúcar na inflamação da garganta e brônquios e em aplicação local, misturado em glicerina e água para úlceras, fendas nos mamilos e fissuras dos lábios e ânus

CASTANHA DA ÍNDIA 60ML                                     R$ 35,00

A Castanha-da-Índia recebeu este nome por acreditar ser oriunda da Índia, porém na verdade ela é natural dos Balcãs, região Sudeste da Europa. Foi introduzida na França em 1615 e foi muito plantada nos parques e avenidas da Europa do século XVIII. É uma das primeiras árvores a florescer na primavera.
A Castanha da índia está presente em parques e avenidas da Europa e também em todo o mundo.
Ações:  Tônico circulatório, adstrigente, anti hemorrágico e antiinflamatório. Usado na prevenção e tratamento da insuficiência venosa crônica, varizes, edemas, hemorróidas e queda de cabelo. O efeito tônico sobre o sistema venoso é percebido logo após a ingestão, traduzindo-se principalmente pelo alívio da dor.
Propriedades Farmacológicas:  Os principios ativos da Castanha-da-Índia atuam sobre  os sistema venoso, aumentam a resistência e o tônus das veias. Atuam sobre a fragilidade capilar e como vasoconstritores periféricos. Desta forma, ativa  a circulação sanguínea e favorece o retorno venoso previnindo acidentes vasculares, estase venosa, espasmos vasculares e tromboflebites.
Precauções e contra indicações: Individuos com hipersensibilidade e crianças.
Reações adversas:  Raramente pode ocorrer coceira, náusea, vômito e irritação gástrica.
Utilização:  Uso interno:
Tintura: 1 a 4 mL 3 vezes ao dia;

CENTELLA (ou centelha) ASIÁTICA 60ML                                               R$ 35,00 

Centella (ou centelha) asiática, ainda popular de Gotu Kola, se caracteriza planta medicinal asiática com uso de modo tradicional pelas propriedades de rejuvenescimento, espirituais, e também contra celulite.   A centella asiática auxilia a se livrar dos líquidos, gorduras e toxinas que compõem a celulite, além de mais benefícios para vida saudável. Esta planta medicinal tem origem na Ásia, aplicada em medicina ayurvédica da Índia e por medicina tradicional chinesa. E tem reconhecimento em tais culturas como Brahmi ou Gotu Kola, denominações que também têm apresentação em determinados suplementos. Há propriedades espirituais também com atribuição à planta, assim foi e permanece sendo utilizada por indivíduos para ajudar em praticar meditação. Em universo da perda de peso, sempre existem plantas em destaque, e a centella asiática se enquadra neste aspecto, com promessa de vários benefícios para conquistar um corpo incrível.  No entanto, a mesma tem mais propriedades que lhe dão efeitos curativos, e que poucos têm conhecimento. Esta planta apresenta folhas em formas de leque, e flores diminutas que diferem entre branco e rosa.
Benefícios da Centella Asiática
– Auxilia no tratamento de forma natural de mais problemas da pele, sendo exemplo chagas, úlceras, queimaduras e feridas. Trata-se de ótimo cicatrizante e renovador da pele, age ainda de modo adequado no pós-operatório.
– Atua em fortalecer unhas e cabelos.
– Age como tônico venoso, com prevenção do surgimento de varizes, flebites e hemorróidas.
– Otimiza a circulação linfática, com promoção da eliminação de substâncias tóxicas no corpo.
– Possui propriedades diuréticas, auxiliando para eliminação do excesso dos líquidos corporais.
– Centella asiática combate fadiga, com energia e vitalidade fornecidas.
– Diminui ansiedade e estresse, com sistema nervoso regulado.
– Atua em tratar insônia.
– Eleva potência sexual.
– Auxilia a dissolver quistos da gordura.
– Age em prevenir envelhecimento precoce, com otimização da função cerebral e complicações como ausência da memória ou concentração.
Saiba como Utilizar Centella Asiática
Centella asiática apresenta possibilidade de uso de muitas formas, como chá, de modo tópico, no extrato ou tintura concentrada, líquida ou nos comprimidos.
E em relação ao uso topicamente, há cremes e óleos apresentando centella asiática que auxiliam a inteirar o tratamento. Pode ter aplicação todos os dias, 1 ou 2 vezes, com massagens circulares aplicadas, conferindo movimentos ascendentes em zonas afetadas.
Efeitos Colaterais e Contraindicações
Os efeitos colaterais desta planta têm possibilidade de inclusão das reações de alergia pela pele, sendo exemplo coceira, vermelhidão, inchaço em pele e sensibilidade com luz solar.
A centella asiática tem contraindicação às grávidas, mulheres que amamentam e aos pacientes apresentando úlcera gástrica, complicações em funcionamento de rins ou fígado ou gastrite.
Centella Asiática para Emagrecer
Para perder peso a indicação é ingerir 2 cápsulas da centella asiática, 3 vezes diariamente depois das refeições, ou consumir 3 xícaras do próprio chá no decorrer do dia. A centella asiática é responsável pela perda de peso por causa do próprio efeito diurético, que auxilia no combate contra retenção dos líquidos, diminuindo volume e peso corporal.
E, a centella asiática age como essencial antiinflamatório e estimulante para circulação sanguínea e produzir colágeno, o que auxilia para inchaço evitado, queima da gordura e prevenção contra celulite e flacidez que ocorrem por causa da perda de peso.
Centella Asiática Ajuda em Combater Celulite
Esta planta tem função de sintetizar colágeno e proteínas no ácido glicurônico.  E atua em proteção, reparação e reafirmar a pele, sendo remédio de muita eficácia para combater a celulite e mais complicações dermatológicas, sendo exemplo cravos, estrias, eczemas e rugas.
A celulite se caracteriza em composição dos nódulos por gordura acumulada, toxinas e líquidos, gerando elevações por baixo da pele, em grau superior ou inferior. A centella asiática age em controle e impede tais substâncias a acumular, tem penetração e tem ação em níveis de maior profundidade da pele, não somente de modo superficial.
Tal erva auxilia para eliminação de substâncias que o corpo não precisa, os radicais livres, que têm acúmulo em forma da celulite normalmente em braços, glúteos e pernas. Tais substâncias são direcionadas à irrigação sanguínea para eliminação de modo natural por organismo, assim a centella asiática possui poder de melhora da circulação geral.
Centella Asiática e Análises Científicas
Na própria composição química, há possibilidade de achar vários elementos que podem possuir efeitos positivos às pessoas. Os triterpenos, como exemplo, se caracterizam grandes responsáveis por atividade medicinal de centella asiática.  Mas, esta planta tem mais de 70 ingredientes, a incluir flavonóides flavonas, lipídios, esteróis e poliacetilenos. O estudo pioneiro fez revelação de encontrar flavonóides alcalóides, aminoácidos, esteróis, ácidos gordos, sais inorgânicos e sacarídeos.   Assim, há possibilidade de determinar a centella asiática planta de ação antioxidante, antiúlcera, ansiolítica, antiinflamatória. De modo histórico, a planta tem sido usada para complicações crônicas da pele, a incluir lepra e psoríase, sífilis, hepatite, abcessos, reumatismo, úlcera gástrica, diarréia, febre, asma e fadiga mental.   Porém, pesquisas modernas apontam que a planta pode auxiliar nas situações dos distúrbios de vasos sanguíneos, sendo exemplo varizes, e nas situações da fadiga mental, diminuir ansiedade e insônia. Determinados especialistas consideram que pode agir em prevenir Alzheimer.

CONFREI 60ML R$

 

ESPINHEIRA SANTA 60ML  R$

ERVA BALEEIRA 60ML  R$

MALVA 60ML  R$

SÁLVIA 60ML R$

SUCUPIRA 60ML R$